terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

E a Fanatic?

A discussão da hora são as camisas da Fanatic. Eu tenho umas três camisas, que gosto bastante. Acho o material bom e confortável. Não me iludo com esse negócio de marcas, porque no final quem faz as camisas são malharias como estas daqui.

Entretanto, esta parceria vem sendo bombardeada por conta de erros cometidos nestes anos de contrato, principalmente ligados a entrega das camisas, o que já era um problema que acontecia com a fornecedora antiga (Champs). A última promoção evidenciou um grave problema que não sabemos se está no departamento de marketing do Avaí que programou a promoção ou da fornecedora do material que não entregou o prometido. Pode até ser dos dois.

A venda de material esportivo pode ser uma boa fonte de arrecadação e deve ser explorada pelo clube. A questão é saber se o modelo proposto pelo Avaí é correto e não está dando certo pelo mau gerenciamento ou é mais interessante ter um fornecedor tradicional, como Adidas, Nike, Penalty, Reebok, Umbro, Topper, etc. Em relação a qualidade do material, acho que poderia ser melhor, mas do resto, não tenho certeza se as outras fornecedoras dariam a atenção devida ao Avaí. Quanto ao prazo de entrega, acho que podemos melhorar com algumas marcas, mas no geral, o sofrimento vai ser o mesmo.

Os atuais patrocínios dos maiores clubes brasileiros:

Corínthians e Flamengo são patrocinadas por Nike e Olympikus respectivamente, que não possuem contrato com qualquer outro time no Brasil.

A Reebok patrocina os três clubes que melhores resultados obtiveram nos últimos anos: São Paulo, Internacional e Cruzeiro.

A Adidas, uma tradicional marca, patrocina dois clubes tradicionais: Palmeiras e Fluminense.

A Umbro patrocina o Santos e o Atlético Paranaense.

A Topper patrocina o Grêmio e o Atlético Mineiro.

O Botafogo usa Fila, o Vasco veste Penalty e Coritiba usa a Lotto.

Os outros clubes da série A usam Penalty (Ceará), Lotto (Bahia), Fila ($$$), Kanxa (America MG) e Super Bolla (Atlético GO).

Não acredito que as três primeiras (Nike, Olympikus e Reebok) tenham interesse no Avaí. Acredito na Adidas e na Umbro. Não sei se o material da Fila, Penalty ou Lotto podem ser melhores que a Fanatic.

O Avaí precisa procurar um contrato que valorize a sua marca, já que é um clube de série A, com bom destaque na mídia e ao mesmo possa receber um produto de qualidade e com agilidade para atender as demandas que acontecem durante o ano. E este tem sido o seu grande calcanhar de Aquiles.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com ofensas ou palavrões não serão publicados