domingo, 4 de março de 2012

A vitória era mais importante que o jogo

Eu sei que tem muito torcedor criticando o time, mesmo com esta vitória. Pode até ter razão, mas hoje a vitória era mais importante que o desempenho dos jogadores. Jogar bem, mostrar jogadas ensaiadas, qualidade no toque de bola, criar situações de gol, marcar bem, tudo isso é importante. Mas hoje, a vitória era o mais importante, não importava como acontecesse. Não se pode desprezar esta vitória de hoje.
É claro que esta vitória não pode ocultar os defeitos do time. Do mesmo jeito que nos empates e derrotas nem tudo está errado e é preciso ver as coisas boas, nas vitórias a gente tem que ver os problemas. O Leão teve como mérito aproveitar as poucas chances que apareceram, mas arriscou muito ao dar campo demais para o adversário.

Moretto - alternou grandes defesas e falhas perigosas. Tem que trocar as luvas porque nunca vi a bola escorregar tanto das mãos de um goleiro. Mas é melhor que o Aleks, principalmente no quesito experiência, que tanto precisava hoje.

Zaga - Leandro Silva é titular absoluto da zaga. Renato Santos pouco apareceu, mas não comprometeu. Rafael melhorou e ganhou muitas bolas. Acho que esta é a zaga titular e não precisa mais mudar.

Laterais - Aélson tem o mérito de ter feito o cruzamento para o gol, mas ainda está tímido. Patrick está dando nos nervos, tanto na defesa, como no ataque, quando perdeu muitas bolas. Para não dizer que foi tudo ruim, deu um passe açucarado para o Cléverson que perdeu uma grande chance já no final da partida. Arlan entrou só para defender.

Meio - Diogo Orlando e Marcinho Guerreiro mostraram a falta que o Bruno faz. Bola com um dos dois é sinônimo de bola perdida. O resumo da atuação dos dois foi um lance no segundo tempo em que a bola sobrou para Neilson que deixou com Diogo Orlando que por sua vez, ao invés de ir para frente, passou a bola para Guerreiro, que matou na canela e perdeu a bola para o adversário. Coloca o Santana ali, no lugar de um dos dois.

O Cléber Santana mostrou a qualidade que tem, principalmente na cobrança de falta, quando colocou a bola na coruja. Só que sozinho não vai fazer muita coisa. Tem que colocar alguém com habilidade para jogar ao lado dele.

Ataque - não dá para criticar o cara que faz um gol, mas Neilson só fez aquilo. É pouco. Capixaba foi pior, pois nem gol para se salvar fez. Gilmar ou Nunes precisam entrar neste time. Saldanha entrou bem e talvez cave uma posição no time. Cléverson é bom jogador, mas está se perdendo na profissão. Está na hora de dar mais atenção a profissão do que aos sites e twitter.

Ovelha - sabia que seu emprego estava a perigo e retrancou o time. Apostou no contra-ataque que pouco aconteceu. Demorou, mas fez as substituições corretas. Contou com a incompetência do adversário em não empatar. Ganhou um respiro e pode usar a vitória como ponto de partida para um novo campeonato.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com ofensas ou palavrões não serão publicados