terça-feira, 6 de março de 2012

Balanço da Rodada


A segunda rodada terminou com algumas surpresas e poucas definições. O Leão reagiu e o Marreco mostrou que ainda não foi ensopado.

Susto na barbilândia – o time da parafusito que os boca-alugada vivem dizendo estar sobrando no campeonato, não jogou bem, mas venceu os rapazes da terra da fartura. O apito amigo se enganou ao expulsar uma Barbie descontrolada, mas em seguida se redimiu com o time do patrocinador do campeonato e igualou o número de jogadores, mandando um atleticano para o chuveiro. Na próxima rodada a Tombense recebe a turma do balé, num confronto que vale a liderança, e o time de Ibirama recebe o Leão, num jogo que pode definir o destino do time do seu Marchetti no campeonato.

Jacaré papa cão boriú – o craque RC passou em branco, mas Maurinho garantiu a vitória dos verdes de Blumenau contra o caçula do campeonato, que para sua sorte, pode conseguir permanecer nesta divisão graças a incompetência de seus concorrentes de Itajaí e Brusque. O time da terra do chopp vai até a vizinha Itajaí enfrentar o marujo afogado para manter-se no topo da tabela, enquanto o tricolor da baixada recebe o índio cansado, na esperança de fazer mais uns pontinhos e se distanciar da boca do poço negro.

Surpresa no oeste – o índio não empalou o marreco como era previsto. E o mais surpreendente foi que o time de Brusque jogou melhor. Os marrecos saíram na frente, levaram a virada dos índios, mas no finalzinho, Marcelo Guerreiro igualou tudo de novo. Os índios, que já parecem cansados das viagens, vão até Camboriú tentar recuperar os pontos perdidos em casa, enquanto o time de Brusque recebe os amarelos do sul, sonhando com dias melhores e com o presente do coelhinho da páscoa.

Quebra-marujo – o marinheiro está mesmo com o destino selado. Até chegou a sair na frente do placar, mas o apito amigo da turma do balé não deixou que o Popey comemorasse. Depois, com muitas lambanças do marujo, o time do norte venceu com facilidade. Agora a turma do balé vem para a capital, colocar a liderança em jogo contra o time do parafusito e os marinheiros recebem o jacaré de Blumenau, ainda sonhando com a Olívia Palito (mas acho que vai acordar abraçado com o Brutus).

O tigre amarelou – e o Leão rugiu mais alto. No melhor estilo Ovelha de jogar, de muita defesa e pouco ataque, o Leão deu duas patadas e feriu o Tigre, que mesmo cambaleante, ainda não está morto. O time do sul vai até Brusque tentar papar o marreco e o time do Ovelha vai até Ibirama, tentar uma nova surpresa.

Como diz um certo amargurado pintor de rodapé, se o campeonato terminasse hoje, o Leão estaria fora das semifinais. Mas o catarininha ainda não terminou e dá tempo do Leão chegar lá.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com ofensas ou palavrões não serão publicados