quarta-feira, 11 de abril de 2012

Balanço da Rodada


A rodada do último final de semana teve resultados surpreendentes e o Leão foi um dos beneficiados pelo passeio da zebra pelos gramados catarinenses.

Cachorro morde marujo afogado – o caçula não teve trabalho e tirou uma casquinha do já morto e enterrado marujo de Itajaí, que deve terminar o campeonato com a lanterna na mão e sem conseguir nenhum pontinho no returno. O caçula agora vai fechar sua boa participação no campeonato indo até a capital para tentar fazer um crime no misto quente do parafusito. Já o marinheiro vai fazer sua melancólica despedida na terra da fartura, correndo o risco de levar uma goleada histórica, em virtude do time do seu Marchetti precisar melhorar seu saldo de gols.

Amarelos amarelaram – o time do sul poderia encaminhar a classificação, mas na hora H, amarelaram diante dos verdes de Blumenau, que de quase mortos, ressuscitaram para o campeonato. O craque RC deu novamente o ar de sua graça e meteu mais uma bucha, consolidando sua liderança na artilharia do campeonato. O time da terra do carvão, que dispensou o artilheiro Zé Reclamão Carlos e afastou o goleiro Andrei Marrento, viaja até Curitiba para tentar um milagre contra o Furacão original na Copa do Brasil e depois vai para o oeste, tentar outro milagre, contra os índios. O time de Blumenau recebe o Leão, de olho numa vaga na série D e nas semifinais.

Marreco com brócolis – o time de Brusque até tentou, teve um pênalti a seu favor, mas o apito amigo novamente funcionou a favor do time do parafusito, deixando de marcar mais um pênalti para o time da casa e inventando um a favor das barbies. O time dos marrecos se despede da primeira divisão contra os bailarinos do norte e com certeza vão tentar estragar o roteiro deles, arrancando pelo menos um empate. O time brocolense recebe o caçula, num jogo onde eles podem conquistar a taça que pode ser a última deles no ano.

Índios deixam o cachimbo cair – era para ser a vitória da classificação, mas esqueceram de combinar com os rapazes da terra da fartura, que jogaram muito e conquistaram uma vitória que manteve o time do seu Marchetti vivo na disputa pela vaga na série D e até por uma improvável vaga nas semifinais. O time do oeste ainda tem mais uma chance para garantir a vaga nas semifinais, precisando apenas de um empate, em casa, contra os amarelos do sul. Já o time de Ibirama recebe o marinheiro afogado precisando de uma vitória e com muitos gols.

Em dia de Páscoa, quem deu o chocolate foi o Leão – não foi bem um vareio de bola, mas o domínio na partida inteira foi grande. Se o ataque tivesse um pouquinho de eficiência, era para ser uns 4 só no primeiro tempo. Quando do time do balé, que só queria fazer teatro, resolveu jogar, emparelhou o jogo. No fim, venceu quem veio para jogar. Agora o Leão vai até Blumenau precisando apenas de um empate para se classificar para as semifinais, enquanto o time do norte precisa afogar os marrecos dentro de casa, para também se classificar, podendo até conquistar o returno, dependendo do resultado do jogo da capital.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com ofensas ou palavrões não serão publicados