domingo, 6 de maio de 2012

Que tarde!

Que tarde de domingo. Muita gente no estádio (apesar de não estar lotado), muita vibração da torcida e uma grande atuação do time do Leão.

O time jogou com raça e determinação, além de taticamente, ter sido muito bem organizado. O adversário teve suas oportunidades, mas a tarde era mesmo do Leão.

Depois de um 3x0, não dá para falar mal de nenhum jogador. Vamos aos destaques:

Diego - foi pouco exigido, mas mostrou segurança no jogo, apesar de eu ficar sempre com receio nas suas saídas do gol.

Renato Santos e Leandro Silva - estiveram muito bem, apesar da falha de marcação numa das chances do adversário.

Arlan - tímido como sempre, estava mais preocupado em marcar do que apoiar, com medo de tomar nas costas.

Patrick - jogando do lado contrário que está habituado, jogou com muito coração. Participou do lance do primeiro gol.

Mika - muito firme no desarme e na marcação e qualidade no passe. Como é que demoraram o campeonato inteiro para descobrir o rapaz?

Bruno - firme como sempre. Devia aproveitar mais sua velocidade.

Robinho - se movimentou bastante e deu vários passes importantes. Começou a jogada do primeiro gol, dando um passe açucarado para Patrick. Quando a vitória vem, principalmente no clássico, tudo é festa e por isso, saiu aplaudido.

Cléber Santana - craque do time e do campeonato. Deu o passe (ou chute?) para o segundo gol e marcou um golaço de falta e deu o quarto gol para o Nunes fazer.

Felipe Alves - se movimentou bastante e foi muito esperto ao aparecer para fazer o segundo gol. Mas precisa a aprender a fazer o simples, quando inventa de fazer o mais complicado.

Nunes - está liberado para twitar esta noite. Brigou muito com a zaga adversária e incomodou bastante a defesa deles. Fez o primeiro, cavou a falta do terceiro, quase fez o quarto de cabeça e perdeu o gol do título.

Diego Orlando - entrou para colar no Roni e fez o que devia. Com um pouco mais de qualidade, teria arrumado um gol nos vários contra-ataque que teve em seus pés.

Laércio - entrou com vontade, mas não teve tempo para contribuir.

Cássio - entrou só para gastar o tempo.

Hémerson de Maria - independente do resultado do próximo domingo, é o grande vencedor do campeonato e merece um novo contrato para a disputa da série B.

Tombense - é um time perigoso, tendo em Roni seu melhor jogador. Acharam que já tinham ganho o campeonato e levaram um tombo hoje.

Árbitro - não comprometeu, mas marcou umas faltas bobas, que não existiram.

O resultado de 3x0 não garantiu o título, mas foi um passe muito grande para a conquista.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com ofensas ou palavrões não serão publicados