quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

Hoje tem Avaí


Jogar no Augusto Apertado Bauer sempre foi difícil, não só pelo gramado, mas também pelo time da casa, que quando enfrenta um time da capital, corre mais e joga com mais vontade, não só pelo adversário, mas pelo incentivo e pela pressão da torcida.

Entretanto, apesar da impressão que o Leão não colhe bons resultados em Brusque, o retrospecto é bem favorável. Com exceção do ano passado, em que o time do Avaí não jogou com os titulares (que estavam fazendo aquela pré-temporada inútil) e levou de 3x0, nos últimos anos, foram só vitórias:

- 2007 - Brusque 0x1 Avaí - jogo do acidente na arquibancada metálica. Gol de Evando (pênalti)

- 2008 - Brusque 0x1 Avaí - jogo adiado para segunda por causa da chuva. Gol de Vandinho, no final do jogo.

- 2009 - Brusque 0x1 Avaí - primeiro jogo do returno, que o Avaí conquistou e depois foi campeão. Gol de Lima.

- 2010 - Brusque 0x2 Avaí - primeiro jogo do returno, logo após a decisão do turno em Joinville. Batista fez o primeiro e Sávio, em grande atuação, fez o segundo.

O time deste ano ainda não está passando confiança, mas acredito numa vitória, até porque, se tem uma coisa que o Ovelha sabe transmitir, é a vontade e a pegada, que num jogo como este, pode até ser mais útil que a qualidade.

Na defesa, de mudança, somente a saída de Pirão para entrada de Aélson, que precisa aproveitar esta chance, pois na estréia em Chapecó não esteve bem. Cássio é outro que não anda bem e se não melhorar, vai perder a posição para o irmão. Arlan continua firme (até porque não tem sombra) e Bruno, depois do golaço e dos bons jogos, é titular absoluto.

No meio, infelizmente Marcinho Guerreiro deve voltar, “dando aquela velocidade e qualidade na saída de bola”. Mika volta para o banco. Robinho está ameaçado, mas deve começar jogando, principalmente porque a partida é fora de casa. Palhinha deve entrar durante a partida. Diogo Orlando parece que já convenceu o Ovelha que é importante para o esquema tático do time e por isso, não sai. Como perguntar não ofende, Saldanha ainda não está pronto para jogar?

No ataque, enquanto Nunes e Gilmar não estão prontos, Capixaba continua, até porque Carreirinha, apesar do gol, não tem cancha para encarar a zaga adversária no campo deles. Se Cléverson viajou, é porque deve jogar. Neilson vai esquentar o banco, mas deve entrar no meio do jogo, porque o “craque da camisa 11” não agüenta o jogo inteiro.

O jogo é naquele horário coruja horrível (que o pessoal da mesa bicuda não fala mal).

Vai pra cima deles, Leão!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com ofensas ou palavrões não serão publicados