quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

O que eu vi na Ressacada

Foi ao jogo no sábado e vi o seguinte:

- Aleks - apesar de já ter atuado no time principal, parecia um pouco nervoso e passou um pouco de insegurança. Ainda assim, acho cedo para querer trazer outro goleiro. Se tem um campeonato para ele ser testado e aproveitado é o estadual. Na série B é que não dá para fazer isto. Se não der chance para ele agora, quando é que vai dar?

- Arlan - o mais do mesmo. Correria e muita disposição. Não se esconde do jogo. O problema é que seus cruzamentos continuam os mesmos - horrorosos.

- Aélson - outro que não mudou. Não marca e não ataca bem. Julinho, volta logo pra lateral, que no meio tu não vai ter chance.

- Paulinho - entrou mais preocupado em marcar do que atacar. Não teve tempo para mostrar nada.

- Alex Lima - ótima surpresa. Acho que ganhou todas por cima, enquanto esteve em campo. Seguro, mostrou bom toque de bola. Dá para ter esperança.

- Cleyton - não comprometeu, mas precisa evoluir.

- Pablo - entrou e achei que ia ser expulso logo que levou o cartão amarelo. Teve trabalho para conter o ataque adversário. Não parece muito seguro, mas posso estar enganado.

- Ricardinho - gostei de sua movimentação e disposição. Cometeu alguns erros, mas parece que vai ser útil ao time.

- Alê - começou mal, mas foi melhorando no decorrer da partida. Vai ser um bom reserva do Eduardo Costa.

- Nádson - muito ciscador e pouco produtivo, mas pode ter futuro no ataque do Avaí.

- Marquinhos - o futebol de sempre, cadenciado e com qualidade. Mas tem que melhorar.

- Rodriguinho - mostrou qualidade e vontade. Deve ser titular.

- Danilo - o cabelo estilo pica-pau não ajudou o rapaz, que até se movimentou, mas é parecido com os atacantes do ano passado.

- Felipe Alves - o mesmo de sempre, só que desta vez, sem a sorte de alguns jogos do ano passado.

- Sérgio Soares - o time estava organizado e variou as jogadas, mas é claro, precisa ainda de entrosamento.

- Torcida - não respondeu às contratações da diretoria, mas ainda sim, esteve em número razoável.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com ofensas ou palavrões não serão publicados